Economia País

São Tomé e Príncipe cria clube de empresários

A promoção e dignificação da classe empresarial são-tomense é o primeiro objetivo do clube de empresários de São Tomé e Príncipe, criado esta semana no arquipélago. Acácio Elba Bonfim primeiro presidente da organização disse que esta pretende também ser parceira do governo bem como da câmara do comércio.

O clube dos empresários de São Tomé e Príncipe, pretende revitalizar uma classe, que segundo Acácio Elba Bomfim encontra-se de algum tempo a esta parte, a degradar-se.

“O objetivo é a promoção da classe empresarial e da atividade empresarial são-tomense e a dignificação da nossa classe”, afirmou.

Numa altura em que o país está a melhorar o ambiente de negócios, entre várias espetativas, há dinamização do mercado, com investimentos na formação de quadros e incentivos para a criação de novas empresas com a implantação do guichet único, o clube pretende ser parceiro do governo neste tão propalado desenvolvimento.

“Queira considerar o nosso clube como parceiro do governo, do Estado são-tomense e parceiro portanto, da câmara do comércio, com a qual vamos trilhar o mesmo caminho, vamos perseguir os mesmos objetivos e naturalmente o sucesso será de todos nós, de todo o país”, conclui.

O governo pela voz do ministro do comércio e turismo Demóstines Pires dos Santos, assegurou que “já estão a ser efetuados alguns contatos com vista a financiar projetos a serem desencadeados por empresas locais, no quadro do OGE para 2013”.

Por outro lado, Elba Bonfim disse ainda, que o clube não vai se limitar a intervir no meio empresarial. As áreas sociais e culturais vão merecer particular atenção dos empresários são-tomenses que prometem ajudar o país a ultrapassar as inúmeras debilidades que se fazem sentir nestas áreas.

Brany Cunha Lisboa

Notícias que lhe podem interessar

“O estado atual da nossa justiça é de longe o sonhado pelo povo”-André Aragão

Brany Lisboa

Presidente do Supremo nega intenção de atingir o governo

Brany Lisboa

Novo programa de desenvolvimento sustentado, crescimento e redução da pobreza recebe injeção de 5,7 milhões de Euros do FMI

Brany Lisboa

Dynka Amorim nomeado embaixador da Ética do Desporto

Brany Lisboa

Comentários

* Ao submeter os seus dados, concorda com os termos definidos na Política de Privacidade

Usamos "cookies" para melhorar a nossa oferta. Mais informações na nossa política de privacidade. OK Mais informações