País Sociedade

São-tomenses marcham contra o polémico arroz

Dezenas de são-tomenses, saíram esta quarta-feira às ruas da capital, numa marcha contra o polémico arroz importado dos Camarões pela firma D. S. Neves, lda do deputado e vice-presidente do PCD Delfim Neves. A população queixa-se da qualidade do arroz que afirma não estar em condições para o consumo humano. O governo de Gabriel Costa, já ordenou a suspensão da venda do arroz, e pediu análises internacionais para determinar a qualidade das 900 toneladas de arroz envolto em polémicas.

O caso do arroz dos Camarões já suscitou diversas reações no país, motivou uma queixa-crime por parte da oposição, provocou segundo a RDP África a queda da diretora dos serviços primários de saúde e mais recentemente provocou a censura do programa humorístico mais visto da única televisão estatal, “Nós por cá”, por ter sido tema ironizado no último episódio.

Brany Cunha Lisboa

Notícias que lhe podem interessar

ONG denuncia captura indiscriminada de tartarugas em São Tomé e Príncipe

Brany Lisboa

Nova esperança do Rap Santola

Brany Lisboa

São Tomé e Príncipe na categoria de lixo!

Brany Lisboa

África Negra aquece noites frias de Lisboa e Berlin.

Brany Lisboa

4 comentários

Comentários

* Ao submeter os seus dados, concorda com os termos definidos na Política de Privacidade

Usamos "cookies" para melhorar a nossa oferta. Mais informações na nossa política de privacidade. OK Mais informações