País Política

Parlamento STP retoma trabalhos

Os deputados são-tomenses deverão voltar esta segunda-feira ao parlamento para retomar a discussão sobre o orçamento de estado para 2014.

A discussão será retomada em meio a mais uma crise política, desta vez causa pelas divergências no seio do poder sobre uma suposta remodelação governamental.

Mantém-se a crispação política em São Tomé e Príncipe.

Após os escândalo financeiro que abalou o governo e fez cair o ministro da saúde, continuam as divergências sobre uma possível remodelação governamental.

Ao que se sabe o primeiro-ministro Gabriel Costa “não está de acordo com uma remodelação e nem aceita a saída de Osvaldo Abreu do cargo de ministro das infraestruturas, obras públicas  e recursos naturais”.

Abreu, pertence ao MLSTP/PSD de Jorge Amado, que para além de ser a maior força de sustentação do governo é quem impõe a saída do ministro.

Amplas discordâncias no poder, numa altura em que os deputados com assento no parlamento regressam esta segunda-feira ao hemiciclo para dar seguimento a discussão do orçamento geral do estado para o corrente ano.

Recorde-se que a discussão foi suspensa há um mês, por alegada falta de inscrição no documento, de ações de desenvolvimento que deverão ser levadas a cabo com a injeção de 180 milhões de dólares em forma de crédito por Angola.

Brany Cunha Lisboa

Notícias que lhe podem interessar

Chefe de estado maior das forças armadas alegadamente envolvido em “massacre” de ladrão

Brany Lisboa

Jocy Barros troca as chuteiras pelo Gabinete

Brany Lisboa

Fiscalização Força Aérea Portuguesa e Guarda Costeira são-tomense em patrulhas conjuntas

Brany Lisboa

Diplomata China “humilhada” com provocações da Coreia do Norte

Brany Lisboa

Comentários

* Ao submeter os seus dados, concorda com os termos definidos na Política de Privacidade

Usamos "cookies" para melhorar a nossa oferta. Mais informações na nossa política de privacidade. OK Mais informações