Notícias País

Coronavírus chegou à São Tomé

O Primeiro-Ministro são-tomense, Jorge Bom Jesus confirmou esta segunda-feira aos jornalistas, a existência de quatro casos positivos de Covid 19 no país. Os casos suspeitos foram levados a testar num laboratório em Libreville Gabão e acabaram por derrubar a resistência do país e revelar a chegada do vírus à Principal ilha do arquipélago. Um conselho de ministros urgente para estudar medidas ainda mais restritivas já foi agendado, segundo o chefe do executivo.

Quatro casos de Covid 19 testados positivos em São Tomé. Numa comunicação ao país o Primeiro-Ministro Jorge Bom Jesus garantiu que” ainda nesta segunda-feira um conselho de ministros extraordinário já foi convocado para analisar esta nova realidade e adotar medidas ainda mais restritivas”.

Na confirmação o governo não revelou os nomes dos infetados nem de onde provêm, mas tudo leva a crer que fazem parte do lote de são-tomenses que chegaram de Portugal há 15 dias e que regressaram as suas vidas normais após deixarem o período de quarentena a que foram sujeitos no último fim de semana. Por outro lado, os quatros casos deverão estar confinados à ilha de São Tomé, o que coloca a ilha do Príncipe como o último baluarte da resistência. Para que se mantenha assim, já foram canceladas as ligações aéreas da STPairways à ilha do Papagaio.

Em pleno Estado de Emergência prolongado, São Tomé e Príncipe prepara-se para enfrentar um inimigo novo e impiedoso. Sem um Sistema Nacional de Saúde capaz de fazer frente às doenças, por assim dizer, menos letais adivinha-se tempos difíceis para o país, que a bem da verdade, e dentro das suas ínfimas capacidades já a algum tempo que se preparava para a chegada do Coronavírus, tendo mesmo sido agraciado com mascaras e outros materiais de proteção por parte de um empresário chinés e também da OMS. O Primeiro-Ministro diz que mais ajudas estão à caminho.

“Estamos a aguardar a qualquer momento a chegada de um avião com cerca de mil testes rápidos e todos os elementos suspeitos serão despistados”. afirmou.

Tanto se falou, e tanto se falou, nas notícias de órgãos internacionais e no seio da diáspora são-tomense nos chamados fóruns das redes sociais do facto de o país não ter sido atingido pelo virus do Covid 19 que finalmente chegou. Agora quem tiver fé nos santos Tomé e António que se agarrem a ela.

Brany Cunha Lisboa

foto google

Notícias que lhe podem interessar

Crianças deficientes poderão ir as escolas em STP

Brany Lisboa

Banco Mundial aconselha reformas legislativas

Brany Lisboa

Patrice Trovoada nomeado primeiro-ministro são-tomense

Brany Lisboa

STP e UE assinam acordo de 28 milhões de euros

Brany Lisboa

Comentários

* Ao submeter os seus dados, concorda com os termos definidos na Política de Privacidade

Usamos "cookies" para melhorar a nossa oferta. Mais informações na nossa política de privacidade. OK Mais informações