Cultura

‘Faltam editoras que promovam a música feita em STP internacionalmente’ – Juka

O músico são-tomense Juka, garantiu aos microfones do RepórterSTP, que faltam editoras que apostem mais na música nacional e a divulgue internacionalmente. O artista é de opinião de que na falta de privados que assumam este desiderato o governo, nomeadamente o Ministério da Cultura devia assumir a tarefa de promoção da música das ilhas.

Em tempos de pandemia e em que todos trabalham a partir de casa, Juka, cantor são-tomense que dispensa quaisquer tipos de apresentações, não é exceção. O artista trabalha na produção do novo álbum, que aliás conta com o apoio técnico de “David Taváres e Dua Pina”.

“É um disco que terá 12 faixas e que estará brevemente disponível ao público. Uma das músicas de trabalho já se encontra disponível na plataforma Youtube, chama-se “Vai embora”. Se a pandemia do Covid 19 deixar esperamos ter o álbum pronto ainda para este natal”, garantiu o cantor ao RepórterSTP.

Juka

Com vários anos de carreira, Juka carrega consigo o rótulo de um dos mais antigos “embaixadores”, no estrangeiro, da música feita em São Tomé e Príncipe. Numa radiografia à música produzida atualmente, o artista aplaude o esforço desempenhado pela nova geração, mas afirma que “faltam editoras que apostem e divulguem a música nacional pelo mundo fora”. Vai mais longe e garante que “na falta de privados que assumam esta função devia ser o governo, nomeadamente o Ministério da Cultura a fazê-lo”, pontuou.

Uma chamada de atenção, de um dos principais ícones da música são-tomense, numa altura em que a música se tornou também ela um escape ou uma importante companhia para aqueles que, por causa da atual condição mundial a que o país não escapa, são obrigados a ficarem em casa.

Brany Cunha Lisboa

Notícias que lhe podem interessar

Tom Hanks vai protagonizar adaptação cinematográfica de Inferno de Dan Brown

Brany Lisboa

Calema anuncia colaborações iminentes com outros cantores e músicos são-tomenses

Brany Lisboa

STP vai estar pela 1ª vez no miss mundo

Brany Lisboa

Londres acolhe a II gala telaventos, festa da diáspora são-tomense

Brany Lisboa

Comentários

* Ao submeter os seus dados, concorda com os termos definidos na Política de Privacidade

Usamos "cookies" para melhorar a nossa oferta. Mais informações na nossa política de privacidade. OK Mais informações